Sábado, 14 de dezembro de 2019
47 98418-6588
Colunistas

04/12/2019 ás 21h43 - atualizada em 04/12/2019 ás 22h01

30

Jean de Souza

Blumenau / SC

Colunista Isaias de Souza
Bolsonaro luta contra o tempo... Corredores de ônibus... Deputados aprovam quase R$ 4 bilhões para 2020... Tem bandido na cola do Mito... INSS cancela 261 mil benefícios... Bloqueio de celulares... Bandidinho de 12 anos apronta, de novo... Renan esperneia... Vascão é o maior... Alba e Mário batem de frente... Guardas sem motos... Índios presos por vender madeira na Amazônia...
Colunista Isaias de Souza
Bloqueador de celular. Foto/Divulgação.

Corrida contra o tempo...
Mesmo a assinatura digital aprovada pela presidente do Tribunal Superior Eleitoral-TSE-ministra Rosa Weber, o registro do Aliança Pelo Brasil, que acaba de ser criado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, 64 anos, pode não estar apto à disputar as eleições municipais em 2020. Tudo conspira contra o Mito, que se não conseguir as 500 mil assinaturas, corre o risco de não emplacar ninguém da nova sigla. Ele acredita que ainda vai dar certo.


A vez dos contras...
Impedir que Bolsonaro inscreva o partido a tempo de concorrer ano que vem, agora, é a expectativa e luta desenfreada de partidos esquerdistas, que vêm a grande chance de aniquilar o poder do presidente da República, que não negocia com políticos bandidos e por isto está em rota de colisão com os criminosos. Sabem que se deixarem prosperar, o Aliança quebra a banca. O País está mobilizado por um partido novo sem mancha, sem facções...


Entraves...
A própria ministra Rosa Weber, 71 anos, contra a prisão em segunda instância, declara-se incrédula em relação ao tempo curto que diz existir para que as ferramentas digitais sejam efetivadas para receberem as assinaturas digitais dos filiados a sigla, antes passando pelo crivo dos cartórios para se certificarem de sua autenticidade. Aliás, maioria dos ministros do TSE, parece torcer contra. Bolsonaro, por força de lei, tem mês e alguns dias pra trabalhar...


Corredores de ônibus...
O novo presidente do Seterb, Eder Boron, adianta que dificilmente os corredores de ônibus, incluindo o da rua Itajaí, a polêmica do momento, com congestionamentos quilométricos desde sua implantação, serão liberados para o trânsito em geral. Nem em horários de pico, diz o moço, que era da Faema. Boron botou uma turma de azuizinhos pra ajudar o escoamento do trânsito a partir das 16h,30min, quando a coisa normalmente aperta. E dura uma semana...


Fundo de campanha sobe...
Enquanto a equipe do presidente Jair Bolsonaro lutava pela redução dos valores destinados ao Fundo Eleitoral, baixando o montante dos R$3,8 bilhões, para R$2,05 bilhões, pelo menos 20 partidos com representatividade na Câmara Federal, se organizavam para exigir os quase 4 bi pra gastança nas eleições municipais do ano que vem, sob a alegação que vai haver número recorde de postulantes aos cargos de prefeito e vereador...Então tá...


Baixaria na educação...
Pesquisa levantada por entidades internacionais colocam a educação brasileira em cagagésimo lugar no ranking mundial. Um dos dados chega afirmar que maioria dos estudantes completam o ensino médio sabendo ler e escrever muito pouco. Só faltou dizer que daqui a uns tempos, a galerinha vai se comunicar apenas por sinais. Vergonhoso. Mas maioria do professorado, reclama que recebe pouco. “Ganha o que merece”, diz pai de aluno...


Estamos por um fio...
“A humanidade chegou a um ponto crítico”, assim reagiu o 1º secretário da Onu, Antônio Guterres, na abertura da Conferência das Nações Unidas sobre mudanças climáticas. Dos representantes das 197 nações presentes ao encontro, exigiu seriedade dos países nas emissões de gases poluentes, aquecimento desenfreado, elevação do nível do mar e o desaparecimento de espécies. Trump não foi. Tá fora das discussões, quer seguir poluindo.


Bloqueio de celulares...
Você sabia que no Brasil apenas 9 estados brasileiros possuem bloqueadores de celulares em presídios? Pode acreditar. São 17 estados desequipados, cerca de 96% sem qualquer condições de checar o que a bandidagem combina via telefone móvel. Vergonhoso. Os custos, mais de R$1.300, estão entre as inibições para compra da geringonça. Isso é dinheiro de cachaça. São Paulo sai na frente, com quase todas as unidades prisionais com bloqueadores.


Bandidinho...
Polícia de Blumenau botou a mão num guri de 12 anos de idade, (é 12 memo), roubando e traficando na cidade. O criminozinho tem 25 passagens por reformatórios, ou seja, não tem mais cura. Teria, se as leis punissem os pais, ou responsáveis, com cadeia. Duvido que reincidiria no crime. Quem tem...tem medo, nenão? Delegado Sarraf não quis comentar o fato mas admite que pela experiência, casos assim são de difíceis solução.


Mortandade de peixes...
Se não for a porcariada química despejada por indústrias desalmadas, sem noção, somos nós mesmos que, diante de nossa ignorância, atiramos tudo que é tipo de sujeira, seja em rios ou ribeirões. A mortandade de peixes no Ribeirãozinho da Velha, se encaixa no perfil e não tem solução. Não é raro ver espécies boiando quiném cocô nestes mananciais, dentro do perímetro central de Blumenau, cidade não projetada pra tanta gente e carro. É preciso repensar...


Tem pegaram, hein?
Enfim, depois de tantas barbaridades cometidas e acusações que rebateu com ajuda de políticos/comparsas, o senador emedebista, Renan Calheiros, 64 anos, acabou indiciado por corrupção e lavagem de dinheiro na Operação Lava Jato. “Inacreditável”, reagiu o político matreiro, experiente e que sempre viveu e levou seus mandatos do jeito que quis, num país de leis famigeradas e arcaicas...Agora o bicho pegou. E outras sujeiras ainda virão por aí...


Vascão, o maior...
Pode até não ser dentro de campo por não ter dinheiro assim quiném o Flamengo pra contratar estrelões. Mas em termos de sócios, passou a ser o maior clube do Brasil com mais de 140 mil associados/pagantes. Supera, inclusive, o Flamengo, informa a Confederação Brasileira de Futebol, CBF. Só no Black Fraiday, a agremiação conseguiu juntar mais de 80 mil novos sócios. Mas a promoção rende até hoje...


Benefícios cancelados...
O INSS informa que 261 mil benefícios foram cancelados, proporcionando uma economia aos combalidos cofres da Previdência em R$336 milhões. São criminosos que recebiam aposentadorias de gente que já morreu, outra fatia que ludibriavam o sistema e uma terceira via que recebia grana por invalides e sequer eram doentes. Em alguns casos o INSS vai atrás dos falsários. Mas na sua grande maioria, fica pela suspensão dos pagamentos...


Índios presos...
Líderes indígenas da aldeia Sareré e madeireiros foram presos pela Polícia Federal, acusados de comercializar madeiras obres da floresta no Mato Grosso do Sul. De lá, roubavam a Aroeira, uma das madeiras mis nobres do mundo, vendida a mais de US$ 3 mil a tora. Os detidos vão responder por crimes ambientais e organização criminosa. Como a derrubada da madeira e as queimadas tão em moda por lá, tem tudo pros caras mofarem na cadeia. Ou não, né?


Absurdo...
Investigações apontam que a Assembleia do Rio de Janeiro, também conhecida vulgarmente por Alerj, mantém apenas 600 funcionários estatutários. Aí voce pergunta: E daí? Daí que outros 5 mil comissionados formam o batalhão de fuinhas que devoram tudo o que é arrecadado em impostos. Existem funcionários recebendo salários maiores que os dos 70 deputados estaduais. Cadê o amado e ativo STF?


Batendo de frente...
Deputado Ricardo Alba e o prefeito Mário Hildebrandt entraram, definitivamente, em rota de colisão política. Alba, o mais votado com 62 mil votos em 2018, deu mijada no Mário por não aceitar aquela grana que o governador Moises quer dar aos municípios remendar e roçar as beiçolas das rodovias estaduais que cortam suas cidades. A verbinha é mixa, verbera o prefeito natural de Taió. Tem trecho de 33 km onde morre gente toda hora. Não aceito e pronto...


Sem experiência...
Para o Mário, o deputado Alba fala do alto de sua parca experiência em administração. Eu sei o quanto é difícil. O Alba fala sem analisar profundamente o assunto. É gesto de quem não entende nada de administração pública, mandou o prefeito, sem esculachar o provável concorrente à prefeitura em 2020. Os valores correspondentes, segundo Hildebrandt, em 3 ou 4 anos, estarão defasados e a conta acaba nas costas dos municípios. Faz sentido, não?


Guardas sem motos...
Por falta de regularização de licenciamentos, maioria das motocas usadas pelos guardas de trânsito de Blumenau, estão paradas na sede da agora secretaria, o tal Seterb, do Eder Boron. Na minha terra isso era chamado de vacilo, desleixo. Mas, no entender da autarquia, o atraso na confecção do licenciamento é parte das mexidas na nomenclatura do setor, modificado pelo Mário. Enquanto não regulariza a bagaça, nada de guarda montado nas cabritinhas...


Hospital recebe 500 mil...
Graças um gesto generoso do deputado Coronel Mocelin, PSL, 56 anos, natural de São Miguel do Oeste, o Hospital Pequeno Anjo de Itajaí já pode dar uma respirada. O primeiro dos dois “checão” de R$500 mil cada, aportou na conta daquela casa de saúde no começo da semana. Faz algum tempo, o Pequeno Anjo anda meio caidinho, sem dinheiro pra manter as atividades em 100%. A grana chegou em boa hora, comemoram os dirigentes peixeiros...

FONTE: Isaias de Souza

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Isaias de Souza

Isaias de Souza

Blog/coluna Isaias de Souza. Diretor Responsável pelo Jornal A Gazeta Catarinense. Atuou por mais de 20 anos em jornais de grande circulação do estado de Santa Catarina, passando por praticamente todos os setores, adquirindo experiência e conhecimento para que hoje A Gazeta seja referencia no seu segmento.
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium